Comissão vota em projeto que autoriza a prisão de quem se recusar a fazer o teste do bafômetro

A proposta ainda deve passar por outras duas comissões antes de chegar até o plenário.


A Comissão de Viação e Transportes (CVT), da Câmara estará votando nesta quarta-feira (25) um projeto que irá alterar o Código de Trânsito Brasileiro.

A punição aumenta para aqueles que forem pegos alcoolizados, ultrapassando a velocidade permitida ou falando ao celular, segundo decreto do substitutivo da Deputada Rita Camata (PSDB-ES).


Segundo o mesmo, o motorista que apresentar um sinal de embriaguez notório, mesmo que se recuse a fazer o teste do bafômetro, deverá sofrer penas que serão previstas pela Lei Seca como: suspensão da carteira de motorista, multa e até prisão. Os que provocarem acidentes estando sob efeito de álcool deverão ser penalizados segundo o Código Penal.


Quem estacionar em locais reservados somente para deficientes ou idosos também terão a multa aumentada, como aqueles que participarem de racha. Também fica proibida a circulação de motos entre veículos e calçadas ou somente entre veículos, se não for o caso do trânsito estar parado.


Fonte: R7.com

Mikael Fernandes

Escritor e administrador no blog, técnico em Redes de Computadores. Tem uma grande afeição por tecnologia e gosta de compartilhar notícias e informações relevantes.