Envio de cartas e telegramas irá custar mais caro à partir de janeiro

A carta não-comercial de até 20 gramas aumenta e vai para R$ 0,70 a partir de janeiro. Carta social continua com R$ 0,01.


É, a partir de janeiro quem quiser se comunicar por meio de cartas e telegramas, terá que desembolsar mais um pouco de dinheiro. O envio de uma carta-comercial de até 20 gramas, que antes custava R$ 0,65 agora sobe para R$ 0,70.

Segundo a portaria publicada nesta quarta-feira (30) no Diário Oficial os preços dos seguintes vão subir: cartas não-comericiais, cartas comerciais, cartões postais, aerogramas, cartas franqueadas e telegramas.

O preço das cartas, cartões postais e telegramas internacionais, também não ficaram isentos da alta.

A carta social continua em R$ 0,01, a mesma deve ser enviada de pessoa física a pessoa física, deve conter endereço escrito a mão, ter um peso de até dez gramas e trazer escrito no canto inferior esquerdo do envelope a palavra "carta social".

Clique aqui para ver a tabela com os novos preços para cartas comerciais, aerogramas e cartas franqueadas.

Clique aqui para ver a tabela com os novos preços para cartas, cartões postais e telegramas internacionais.

Fonte: G1

Mikael Fernandes

Escritor e administrador no blog, técnico em Redes de Computadores. Tem uma grande afeição por tecnologia e gosta de compartilhar notícias e informações relevantes.