Suco de beterraba ajuda idoso a ter cérebro mais saudável

Consumo do alimento pode melhorar o fluxo sanguíneo para o lobo frontal

Pela primeira vez, cientistas americanos demonstraram a eficácia do suco de beterraba no melhoramento do fluxo sanguíneo no cérebro em idosos. A descoberta foi divulgada nesta terça-feira (2), e poderá ser usada no combate ao desenvolvimento da demência. 

As beterrabas contêm altas concentrações de nitratos. Outros alimentos como aipo, repolho, espinafre e alface também possuem o elemento, de acordo com os cientistas.


Ao cosumir esses alimentos, bactérias na boca transformam o nitrato em nitrito, substância que ajuda a abrir os vasos sanguíneos do corpo, aumentando assim o fluxo sanguíneo e de oxigênio para partes do organismo que têm carência de oxigênio.

Segundo o diretor do Centro de Ciência Translacional da Universidade Wake Forest (Estados Unidos), Daniel Kim-Shapiro, existem diversas áreas do cérebro que, com o avanço da idade, acabam recebendo pouco fluxo sanguíneo. Essa falta de oxigênio está associada a demência e falhas cognitivas.

Os pesquisadores analisaram durante quatro dias, os efeitos do nitrato na dieta de 14 pessoas acima de 70 anos. Por meio de ressonância magnética, foi observado que, após comerem uma dieta rica em nitrato, os idosos tiveram aumento do fluxo sanguíneo para os lobos frontais, áreas do cérebro que estão associadas à degeneração que leva à demência e a outras doenças cognitivas.

De acordo com Gary Miller, professor do Departamento de Saúde e um dos autores do estudo, os resultados ratificaram mais uma vez que uma dieta rica em frutas e vegetais contribui com a boa saúde.

Fonte: R7

Mikael Fernandes

Escritor e administrador no blog, técnico em Redes de Computadores. Tem uma grande afeição por tecnologia e gosta de compartilhar notícias e informações relevantes.