Lista dos municípios escolhidos para o projeto Cidades Digitais

Conheça o projeto Cidades Digitais do Ministério das Comunicações

As cidades foram escolhidas com base em critérios como índice de desenvolvimento local e níveis de dificuldade no acesso à internet. O estado que teve o maior número de cidades selecionadas foi o Ceará, com 10, em seguida está Bahia, Paraíba e Pará, com 9.

Veja a lista das cidades por região e estado abaixo:






Entenda o projeto
O projeto possibilita a modernização da gestão das cidades com a implantação de infraestrutura de conexão de rede entre os órgãos públicos além da implantação de aplicativos, com o objetivo de melhorar a gestão e o acesso da comunidade aos serviços de governo. Podem participar da seleção prefeituras e regiões administrativas do Distrito Federal (DF).
As cidades recebem softwares para os setores financeiro, tributário, de saúde e educação, e os servidores públicos serão capacitados no uso específico dos aplicativos e da rede, assim como nas Tecnologias de Informação e Comunicação (TICs). Também está prevista a instalação de pontos de acesso à internet para uso livre e gratuito em espaços de grande circulação em locais definidos a critério das prefeituras.
Resultado de ação transversal de articulação entre órgãos do Governo Federal, o projeto tem a parceria do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, por meio de licitação na modalidade de registro de preço nacional para a aquisição dos aplicativos de softwares públicos básicos. O BNDES oferecerá linhas de financiamento de kits de sistemas de gestão e softwares, bem como para ampliação das redes digitais das prefeituras.
O orçamento destinado ao projeto de implantação das cidades digitais é de R$ 40 milhões de reais.

Principais objetivos
  • Conexão entre os órgãos públicos
  • Implantação de aplicativos de gestão para os setores financeiro, tributário, de saúde e educação
  • Capacitação de servidores públicos no uso específico dos softwares e nas TICs
  • Acesso da população aos serviços de governo eletrônico
  • Pontos de acesso público à internet em praças, rodoviárias ou outros espaços.
  • Fonte: Ministério das Comunicações

    Mikael Fernandes

    Escritor e administrador no blog, técnico em Redes de Computadores. Tem uma grande afeição por tecnologia e gosta de compartilhar notícias e informações relevantes.